sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Carro recuperado pela Polícia Civil é devolvido ao dono em Uruará


O professor de Educação Física, Magnus Rogério, morador em Nova Biratã, Estado de Mato Grosso, recebeu ontem das mãos do delegado Godofredo Martins Borges, da Delegacia de Uruará, sudoeste do Pará, as chaves do automóvel de sua propriedade roubado em 25 de outubro de 2011. O veículo foi recuperado durante investigações realizadas pela equipe da Delegacia. A entrega do veículo, modelo Golf GL, foi feita após o proprietário apresentar documentos necessários para a comprovação da propriedade do automóvel. A devolução foi possível após os investigadores Tadeu e Eládio, de Uruará, identificarem o proprietário. O professor foi encontrado na quinta-feira da semana passada. Ele veio até Uruará para reaver o carro roubado.
Magnus Rogério contou que o veículo foi levado de um estacionamento na cidade de Nova Biratã. “Fiquei contente em saber que o carro foi recuperado pela Polícia de Uruará. Parabenizo o excelente trabalho e a iniciativa dos policiais de me avisarem, pois tinha pouca esperança de recuperá-lo”, disse o professor. O Golf foi apreendido na tarde de quarta-feira passada, dia 15, pela equipe formada pelos investigadores de Uruará, Eládio e Tadeu, e escrivão Marcelo. Os policiais civis contaram que o carro foi visto enquanto a equipe policial fazia ronda de rotina pela rodovia Transamazônica, no trecho que corta o centro da cidade de Uruará. "O carro estava com placa BSD 5855, do município de Santa Helena, no Estado do Paraná. Tratava-se de um carro Golf GL branco, modelo fabricado na Argentina", explicou o delegado. Por se tratar de um carro diferente dos que trafegam na região, com placa de fora do Pará, os policiais resolveram abordá-lo para uma averiguação. Durante pesquisa no sistema Infoseg, em que é possível verificar se um veículo tem registro de ocorrência de roubo ou furto, os policiais constataram que tratava-se de um carro roubado. O condutor do carro, José Eudes Monteiro, 49 anos, foi imediatamente detido. Aos policiais, ele alegou que pretendia levar o carro até Uruará para vendê-lo na cidade.
Ele foi conduzido até a delegacia para ser autuado por crime de receptação de veículo roubado, com base no artigo 180 do Código Penal Brasileiro - adquirir, receber, transportar, conduzir ou ocultar, em proveito próprio ou alheio, coisa que sabe ser produto de crime, ou influi para que terceiro, de boa-fé, a adquira, receba ou oculte. A pena prevista é de reclusão de um a 4 anos, e multa. José Eudes Monteiro, que já responde outro processo em liberdade por homicídio no município de São Vicente, interior de São Paulo, é natural do Estado da Paraíba. José Eudes disse em depoimento que trabalhava num garimpo em Novo Progresso, sudoeste do Pará, onde trocou o antigo carro que possuía pelo veículo roubado. Segundo ele, um morador daquele município chamado, Antônio Mecânico, seria a pessoa que lhe repassou o carro roubado. O paraibano disse ainda que veio para Uruará com objetivo de trabalhar e conseguir dinheiro para retornar à terra natal. Ele está recolhido em uma das celas da Delegacia de Uruará à disposição da Justiça.
Fonte. PC/ PA

Nenhum comentário:

Postar um comentário