quinta-feira, 10 de maio de 2012

APESAR DE BOATOS, ALMIR GABRIEL AFIRMA QUE ESTÁ NO PÁREO

Foto: Internet
O ex-governador Almir Gabriel garantiu quarta-feira (09), em entrevista concedida por telefone ao DIÁRIO, que continua na disputa pela prefeitura de Belém. Nos últimos dias, uma série de boatos tomou conta das redes sociais dando conta de uma suposta desistência por motivos de saúde. Almir negou que esteja doente e atribuiu as notícias sobre a suposta desistência a intriga feita por opositores.
Ele negou também que tenha tido desentendimentos com o prefeito de Belém, Duciomar Costa, principal avalista da candidatura, e atribuiu os boatos sobre uma briga entre os dois ao que chamou de “rede de intrigas”.

Indagado se não estava mesmo cogitando uma desistência da candidatura, o ex-governador reagiu: “Você está cogitando abandonar o jornalismo?”. Ao final, enviou um recado aos que, segundo ele, estão trabalhando contra sua candidatura. “Diga que está tudo como dantes no quartel de Abrantes”.
As informações sobre as desistências de Almir Gabriel começaram a ganhar as redes sociais no início desta semana. Os boatos são engrossados por fontes do próprio PTB (partido de Almir e de Duciomar), onde a candidatura do ex-governador à prefeitura de Belém não é consenso.


DISPUTA


O silêncio do prefeito, que até agora não se manifestou publicamente sobre o assunto, tem servindo de combustível para o que Almir classifica como “rede de intrigas”.
O fato, contudo, é que o PTB enfrenta uma disputa interna acirrada. Além de Almir, a vaga de candidato é cobiçada pelo vereador Raimundo Castro e pelo ex-titular da empresa municipal de Turismo (Belemtur), Wady Khayat, que deixou o cargo para atender ao período de desincompatibilização da lei eleitoral.


Ontem, o presidente do diretório municipal do PTB em Belém, Raimundo Quaresma, também negou que tenha havido briga entre Almir e Duciomar, mas admitiu que a candidatura do ex-governador ainda será objeto de debate no partido.


“Estávamos todos juntos na segunda-feira em Brasília. Ele (Almir) continua pré-candidato, mas tem outros que também têm direito de pleitear a vaga”, disse. Uma reunião para discutir as possíveis candidaturas estava prevista para a tarde de hoje, mas até o fechamento desta edição o encontro não havia sido confirmado.


 (Diário do Pará)

Nenhum comentário:

Postar um comentário