segunda-feira, 11 de março de 2013

BRASIL NOVO: DIA INTERNACIONAL DA MULHER É COMEMORADO EM GRANDE ESTILO.



Público presente no evento
Em virtude do Dia Internacional da Mulher comemorado na última sexta-feira (8), a Prefeitura Municipal de Brasil Novo, através da Secretaria Municipal de Trabalho e Promoção  Social realizou uma programação especial em homenagem às mulheres do município. O evento teve início às 09h:00min e contou com a presença em massa das mulheres brasilnovenses. O evento contou com palestras e sorteios de brindes, foi realizado na quadra de esportes da Escola Paraíso no Bairro Cidade Nova.
Vice-prefeito servindo café da manhã às mulheres
Durante o evento os homens serviram um café da manhã à todas as mulheres presentes, entre eles estavam o Vice-Prefeito Júnior Lorenzoni e o Vereador Professor Walter Soares - PR. O vice-Prefeito falou do interesse do Governo Compromisso Com o Povo em implantar políticas publicas de valorização da mulher  “Nós temos um compromisso com todos os munícipes e em especial as mulheres deste luga e é pensando nas mulheres que devemos desenvolver políticas de desenvolvimento e inserção da mulher nos mais diverso setores da sociedade” – disse Júnior Lorenzoni afirmando que o Governo Compromisso Com o Povo está empenhado para alcançar os objetivos que garantam estas políticas de desenvolvimento através de uma gestão participativa, de modo que possa proporcionar mais saúde, segurança, educação e bem estar para todos.
Vereador Prof.º Walter Soares
servindo Café da Manhã às mulheres
As mulheres também acompanharam uma palestra sobre a Lei Maria da Penha com a Psicóloga CarlaCardoso de Farias que orientou a todas sobre a importância da denúncia de contra a violação dos direito das mulheres. A coordenadora do Centro de Referência da Assistência Social (CREAS), aproveitou o momento para divulgar o horário de funcionamento da instituição e o telefone para o qual podem ser feitas as denúncias e lembrou que tudo é feito sob sigilo para garantir a segurança da denunciante. O CREAS atende das 08h:00min às 14h:00min ou pelo telefone (93) 9125-8912 em qualquer horário. “Estamos disponíveis para receber e atender denúncias relacionadas ao não cumprimento dos direitos humanos e sobretudo dos direitos das mulheres” – Disse Luana Chagas, coordenadora do CREAS.
Prefeita Marina Sperotto e Vice Júnior Lorenzoni
com a coord. do CREAS Luana Chagas e Servidores
A Prefeita Marina Sperotto, destacou a importância do papel das mulheres na sociedade. “É com muita alegria que comemoramos essa data tão importante, que marca a história de lutas e conquistas, onde conseguimos vencer o preconceito e e hoje, ocuparmos status de destaque na sociedade. Quero afirmar aqui, que a luta do femininismo não é e não pode ser uma luta só das mulheres, mas sim uma luta de toda a sociedade, portanto, o dia 08 de março é uma luta de reflexão contra o preconceito e a discriminação contra aquela que é do parte essencial no desenvolvimento da sociedade” – destacou a Prefeita.
Conheça um pouco mais sobre a história do Dia Internacional da Mulher:
História do 8 de março
Prefeita Marina e vice Júnior Lorenzoni
com autoridades e servidores da Assistência Social
No Dia 8 de março de 1857, operárias de uma fábrica de tecidos, situada na cidade norte americana de Nova Iorque, fizeram uma grande greve. Ocuparam a fábrica e começaram a reivindicar melhores condições de trabalho, tais como, redução na carga diária de trabalho para dez horas (as fábricas exigiam 16 horas de trabalho diário), equiparação de salários com os homens (as mulheres chegavam a receber até um terço do salário de um homem, para executar o mesmo tipo de trabalho) e tratamento digno dentro do ambiente de trabalho.
Prefeita entrega Binde 
A manifestação foi reprimida com total violência. As mulheres foram trancadas dentro da fábrica, que foi incendiada. Aproximadamente 130 tecelãs morreram carbonizadas, num ato totalmente desumano.Porém, somente no ano de 1910, durante uma conferência na Dinamarca, ficou decidido que o 8 de março passaria a ser o "Dia Internacional da Mulher", em homenagem as mulheres que morreram na fábrica em 1857. Mas somente no ano de 1975, através de um decreto, a data foi oficializada pela ONU (Organização das Nações Unidas).
Objetivo da Data 
Ao ser criada esta data, não se pretendia apenas comemorar. Na maioria dos países, realizam-se conferências, debates e reuniões cujo objetivo é discutir o papel da mulher na sociedade atual. O esforço é para tentar diminuir e, quem sabe um dia terminar, com o preconceito e a desvalorização da mulher. Mesmo com todos os avanços, elas ainda sofrem, em muitos locais, com salários baixos, violência masculina, jornada excessiva de trabalho e desvantagens na carreira profissional. Muito foi conquistado, mas muito ainda há para ser modificado nesta história.
Conquistas das Mulheres Brasileiras 
Podemos dizer que o dia 24 de fevereiro de 1932 foi um marco na história da mulher brasileira. Nesta data foi instituído o voto feminino. As mulheres conquistavam, depois de muitos anos de reivindicações e discussões, o direito de votar e serem eleitas para cargos no executivo e legislativo.
Marcos das Conquistas das Mulheres na História 
- 1788 - o político e filósofo francês Condorcet reivindica direitos de participação política, emprego e educação para as mulheres.- 1840 - Lucrécia Mott luta pela igualdade de direitos para mulheres e negros dos Estados Unidos.- 1859 - surge na Rússia, na cidade de São Petersburgo, um movimento de luta pelos direitos das mulheres.- 1862 - durante as eleições municipais, as mulheres podem votar pela primeira vez na Suécia.- 1865 - na Alemanha, Louise Otto, cria a Associação Geral das Mulheres Alemãs.- 1866 - No Reino Unido, o economista John S. Mill escreve exigindo o direito de voto para as mulheres inglesas- 1869 - é criada nos Estados Unidos a Associação Nacional para o Sufrágio das Mulheres- 1870 - Na França, as mulheres passam a ter acesso aos cursos de Medicina.- 1874 - criada no Japão a primeira escola normal para moças- 1878 - criada na Rússia uma Universidade Feminina- 1901 - o deputado francês René Viviani defende o direito de voto das mulheres.(fonte: Internete)
Veja mais fotos do evento:
Vice prefeito preparando servindo o lanche

Participante do evento recebe brinde de Zezé Biancardi

Vereadora Graça Santos entrega brinde à Sr.ª Lorena,
mãe mais nova

Ronaldo Montenegro servindo café da manhã

Zezé Biancardi e Dona Maria José Caetano Secretária da SEMUTS
entregam brindes às participantes com o maior número de filhos

Vice Prefeito e a mulher mais idosa do evento

Hilda Dantas Coord. do CCI entregando brinde
Prefeita Marina Sperotto discursando ao lado
de Dona Dedé(Secretária da SEMUTS)
e Jusélia Bocaiuva (Secretária da  SEMED)



Por: Valdemídio Silva com Informações da Assessoria de Comunicação da PMBNFoto: ASCOM/PMBN

Nenhum comentário:

Postar um comentário