sexta-feira, 22 de março de 2013

HOMEM FOI PRESO ACUSADO DE ESTUPRAR CRIANÇA DE 8 ANOS EM URUARÁ



AcusadoAcusadoEdimar Schitz, 25 anos, foi preso por policiais em Uruará, oeste do Pará, ontem à tarde, sob acusação de estuprar a própria sobrinha de 8 anos. A denúncia é da mãe da criança que procurou o Conselho Tutelar do município. Segundo ela, Edimar abusava da sobrinha enquanto todos da família dormiam. "Ele ia até o quarto da criança e mantinha relações sexuais com ela", contou a denunciante. O crime vinha ocorrendo já há algum tempo e só foi descoberto após a criança reclamar de dores no umbigo e na região da pélvica. A vítima passou a apresentar um escorrimento da região genital. A mãe, então, levou a criança para fazer exames médicos que comprovaram a violência sexual. Ouvida em depoimento, a criança revelou os crimes cometidos pelo próprio tio.


"Foi realizado o exame sexológico forense no hospital municipal, que constatou o estupro", contou o delegado Godofredo Borges, titular da Delegacia de Uruará. Ao ser interrogado, Edimar alega que está sendo acusado injustamente e nega o estupro. “Eu não fiz isso. Sou o tio dela e não faria isto com o meu irmão, que é pai dela”, justificou. A prisão preventiva por crime de estupro de vulnerável de Edimar já foi pedida à Justiça, segundo o escrivão Marcelo Eduardo. “O depoimento da criança e o exame sexológico forense comprovam que Edimar estuprou a sobrinha”, assevera. A prisão foi realizada por policiais da 13ª Companhia Independente de Polícia Militar, o investigador Sílvio Alex e escrivão Marcelo Eduardo, sob o comando do delegado Godofredo Borges. O acusado está recolhido na carceragem da Delegacia de Uruará à disposição da justiça.
Informações: PC/PA

Nenhum comentário:

Postar um comentário