quarta-feira, 13 de novembro de 2013

VITÓRIA DO XINGU: PREFEITO VANDO AMARAL VOLTA AO CARGO


Prefeito de Vitória do Xingu volta ao cargoNo último dia 17 de outubro em decisão judicial, o Juiz altamirense Horário de Miranda Neto, afastou do cargo o prefeito de Vitória do Xingu, Erivando Amaral e o Vice Caetano, a acusação é de compra de votos nas eleições de 2012 no município. Ainda em Altamira os advogados do político anunciaram que iam recorrer da decisão, dia 25 ainda do mês passado, tomou posse o presidente da câmara Genildo Oliveira, o Nildo da Cobra Choca. Agora por força de Liminar o Juiz João Batista Vieira do TRE Pará, determinou o retorno imediato do prefeito e do vice ao cargo, até que o processo tramite em julgado nas esferas a serem recorridas as partes. O voo das 18:30h da TRIP nesta quarta-feira, trouxe o advogado do prefeito, Robério D’Oliveira falou com exclusividade a nossa equipe de reportagem e explicou o retorno do prefeito.
“Estamos consciente de que apresentamos solicitações convincentes ao Juiz, e tivemos bons resultados, assim vamos continuar debatendo esse processo” Disse Robério D’Oliveira, advogado de Vando.
Os trabalhos em Vitória do Xingu vão continuar o prefeito deve reassumir o cargo ainda nesta quinta-feira, D’Oliveira disse ainda que na justiça vai continuar com a defesa do político.
“Temos plena confiança de que o TRE vai tomar a melhor decisão, confio  nos trabalhos do tribunal nas nossas convicções no caso” Finalizou D’Oliveira.
No município de Vitória do Xingu durante toda esta quarta-feira, moradores fizeram carreata e soltaram rojões comemorando a volta do político.
Erivando Amaral venceu as eleições de 2012 com mais de 60% dos votos, o prefeito falou que a expressão popular é um marco histórico para município.
“Deus sabe que eu não comprei voto, hoje o povo saiu as ruas para comemorar junto com a gente esse retorno, estamos felizes com o resultado e crentes que estamos no caminho certo” disse Erivando Amaral, prefeito de Vitória do Xingu.
O processo 55547 deve passar por novo julgamento até ser finalizado, enquanto isso o prefeito continua no cargo.
Por: Felype Adms.

Nenhum comentário:

Postar um comentário