terça-feira, 23 de dezembro de 2014

MAIS UMA MORTE NA ZONA RURAL DE URUARÁ

Acusado, Julimar Alves da Cruz
A violência na zona rural segue fazendo vítimas fatais no município de Uruará. Na noite desta segunda-feira, 22, um trabalhador teve a garganta cortada enquanto dormia numa rede. O crime aconteceu numa fazenda do travessão km 200 norte, a 56 quilômetros do centro urbano, zona rural do município de Uruará. De acordo com as informações levantadas pelo delegado Walison Damasceno da Polícia Civil do município, a vítima, Raimundo Gilvan Lima Moreira, 33 anos, estava numa bebedeira com o acusado, Julimar Alves da Cruz, 35 anos, os dois tiveram uma discussão e após a bebedeira a vitimou tomou um banho e deitou numa rede armada na varanda da casa onde morava, o acusado se aproveitou do fato de a vítima estar dormindo para esgorjar (cortar a garganta de) Raimundo. Após cometer o crime Juliomar fugiu embrenhando-se na capoeira.
A polícia civil através do delegado Damasceno esteve no local do crime dando início as investigações do caso, chegando a parar os veículos que saíam do travessão na tentativa de capturar o homicida, mas o mesmo não foi encontrado, agora Julimar Alves da Cruz é considerado um foragido sendo procurado pela polícia.
Por: Joabe Reis  - Sistema Regional de Copmunicação

Nenhum comentário:

Postar um comentário