sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

OCUPANTES SÃO RETIRADOS DO PROGRAMA “MINHA CASA MINHA VIDA” EM BRASIL NOVO


A Polícia Militar utilizou cerca de 20 homens, para cumprir a Ordem Judicial expedida pela Justiça, que determinou a retirada das famílias que invadiram cerca de 40 em um  total de 80 casas do programa Minha Casa Minha Vida, localizadas próximo ao Parque de Exposição de Brasil Novo.

O cumprimento da ordem de reintegração de posse aconteceu na manhã de Quarta-Feira (14). Os moradores foram avisados da decisão um dia antes do cumprimento da ordem, por servidores da prefeitura. A maioria deixou o local ainda nesta quarta-feira. O clima foi tranquilo e não houve resistência.

Cerca de 80% das pessoas que invadiram as casas ainda permaneciam no local e outras saíram para trabalhar e tiveram seus pertences recolhidos. De acordo com informações os matérias recolhidos seriam encaminhados para um local destinado pela Prefeitura.


O SONHO

É necessário reconhecer que grande parte das pessoas que se propuseram invadir as casas do Programa “Minha Casa Minha Vida” são aproveitadores e oportunistas que já estiveram em outros locais. Alguns já beneficiados e venderam suas casas e utilizam suas crianças e mulheres para este fim.

A sociedade também deve discordar desse tipo de ação que mais prejudica do que beneficia o desenvolvimento do município. Invadir coisa alheia é ilegal perante a lei. 


No entanto, algumas famílias são pessoas que realmente ainda não foram contempladas com uma moradia e vivem em casas de parentes ou moram de aluguel. No trabalho, o mísero salário não comporta a audácia de uma casa própria.


Em tempo de Mensalão de Petrolão resta a ira daqueles que percebem que a situação (no Brasil) não é igual para todos.




Por: Junior Oliveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário