quinta-feira, 4 de maio de 2017

POLÍCIA CIVIL PRENDE DOIS ACUSADOS DE CRIME CONTRA A VIDA EM URUARÁ

A Polícia Civil prendeu, na última semana, em Uruará, sudoeste do Pará, dois homens acusados de praticar crimes contra a vida no município. Um dos presos, que teve mandado de prisão preventiva expedida pela Justiça, foi Antonio de Moura Oliveira, conhecido como “Macapá”, apontado como autor do assassinato que vitimou o trabalhador rural João Filho Lima, em fevereiro de 2016 no assentamento da Nova Invernada, zona rural de Uruará.
Antonio de Moura estava foragido desde a época do crime. Ele foi preso no último dia 27. Já no dia 28, a equipe policial do município prendeu em flagrante Jucelino Jesus Santos, de 60 anos, pelo crime de tentativa de homicídio.
As investigações apontaram que o acusado desferiu diversos golpes de faca contra Claudinei Rufino dos Santos, de 37 anos, após uma discussão em um bar.
A vítima foi encaminhada para o Hospital Municipal onde passou por atendimento médico. O acusado está recolhido à disposição da justiça. As operações foram coordenadas pelo delegado Walison Damasceno. 
PC

Nenhum comentário:

Postar um comentário