sexta-feira, 16 de junho de 2017

PEÃO DE RODEIO DO MUNICÍPIO DE URUARÁ (PA) É MORTO DURANTE ASSALTO EM TOCANTINS


O mundo do rodeio amanheceu de luto nesta quinta-feira, 15, no feriado de Corpus Christi, após a morte do peão de rodeio, Getúlio Santos do município de Uruará. O peão campeão de rodeio por várias vezes em Uruará e região foi assassinado com um tiro na cabeça ao reagir a um assalto na cidade de Araguaína, estado do Tocantins. O latrocínio ocorreu por volta das 20 horas e 30 minutos desta quarta-feira, 14. Getúlio Santos da Silva tinha 26 anos de idade e estava na cidade de Araguaína para participar da festa de peão local.
Segundo informações o peão estava no alojamento na companhia de outros peões quando três indivíduos os surpreenderam anunciando o assalto. Houve luta corporal e os criminosos efetuaram um disparo de arma de fogo que atingiu a cabeça de Getúlio provocando sua morte no local. Um dos assaltantes foi preso e identificado pelo nome de Rafael Silva Cavalcante, 19 anos, ex-presidiário. Os outros dois assaltantes estão sendo procurados.
O corpo de Getúlio foi encaminhado ao IML para posterior liberação para a família.
Getúlio tinha 8 anos de carreira no rodeio profissional e colecionava vários títulos de destaque em competições pelo Brasil montando em touros e iria participar do rodeio em Araguaína que inicia na noite desta quinta-feira, 15, com premiação de 15 mil reais. Segundo informações de familiar, Getúlio esteve na Festa de peão de Barretos-SP no ano passado, chegou a participar do rodeio de Cassa Talento e ficou em 6º lugar, não conseguindo vaga para participar do rodeio da categoria principal. Era casado e deixa 3 filhos. E morava com a família no Bairro Cachoeirinha, na entrada oeste da cidade de Uruará.
A família tenta fazer o traslado do corpo para Uruará onde o mesmo possivelmente será sepultado. Segundo o sindicato rural de Araguaína (SRA) a Companhia de Rodeio Italo Todde e o próprio sindicato estão providenciando o traslado do corpo. Segundo informações, o IML aguarda a documentação e os trâmites legais para a liberação.
Nossas condolências a família.
Fonte:Sistema Regional de COmunicação

Nenhum comentário:

Postar um comentário